APLB Juazeiro - Representantes da delegacia da APLB do Baixo e Médio São Francisco estiveram presentes no Conselho Geral da Entidade em Salvador

Representantes da delegacia da APLB do Baixo e Médio São Francisco estiveram presentes no Conselho Geral da Entidade em Salvador

publicado em 26/02/2018

Reunião do Conselho Geral da APLB encerrada neste sábado, 24, com aprovação do Plano de Lutas 2018

23 DE FEVEREIRO DE 2018

 

  1. Diretoria Executiva da APLB-Sindicato e lideranças sindicais das regionais, delegacias e núcleos do interior da Bahia se reuniram durante dois dias no Hotel Sol Bahia, em Salvador, participando da reunião do Conselho Geral da APLB Sindicato, que teve encerramento na tarde deste sábado, 24/02, com a aprovação do Plano de Lutas da entidade para o ano de 2018.

Em pauta, a atuação da entidade e o intercâmbio de informações entre os participantes sobre as ações do sindicato e as demandas da categoria. Este segundo dia do encontro deu continuidade às discussões e reflexão sobre as ações e a organização sindical da APLB em toda a Bahia.

Pela manhã, aconteceu a apresentação das comissões colegiadas da diretoria, quando diretores e assessores explanaram as ações de suas respectivas pastas, bem como apresentaram seus planos de luta para o ano de 2018.

Conselho Fiscal, Organização e Jurídico fizeram seus informes e apresentações e tiveram seus planos de luta aprovados pela plenária.

Aprovado o Plano de Lutas 2018

No período da tarde, o coordenador geral da APLB, Rui Oliveira, abriu os trabalhos reforçando os informes sobre a rede estadual, quando detalhou os últimos avanços conquistados pela categoria.

Em seguida foi aberta a Plenária das Regionais, seguida da apresentação e aprovação do Plano de Lutas 2018, após deliberação da plenária sobre os destaques apresentados pelos participantes, como a participação na Conferência Nacional da Educação – CONAPE, que vai acontecer no mês de maio, em Belo Horizonte; que deverá ser precedida da realização da CONAPE Estadual, em abril, com organização de uma coordenação formada por dirigentes regionais, juntamente com a diretoria de Educação da APLB.

Ao final, o coordenador geral da APLB elogiou o Conselho, que classificou como produtivo e qualificado, e desejou um bom retorno aos dirigentes do interior. “Viva a APLB, viva os educadores baianos e fora Temer”.

Notícias anteriores

Reunião do Conselho Geral da APLB-Sindicato, de sexta-feira, 23, a domingo, 25, em Patamares

 

Conselho Geral da APLB-Sindicato – 23-02-2018 à noite

Conselho Geral da APLB-Sindicato – 23-02-2018 à noite

A APLB-Sindicato reúne seu Conselho Geral desta sexta-feira, 23, a domingo, 25, no Hotel Sol Bahia, no bairro de Patamares, em Salvador.

Na manhã desta sexta-feira, a deputada federal Alice Portugal (PCdoB) e o presidente estadual do PCdoB, em São Paulo, Nivaldo Santana, ex-deputado, falaram sobre a atual conjuntura nacional; o ilegítimo governo Temer e suas tentativas de tirar os direitos dos trabalhadores por meio das reformas previdenciária e trabalhista.

À tarde, advogados do Sindicato APEOC, do Ceará, falam dos Precatórios do Fundef e da conquista da APLB-Sindicato para os professores do município de São Felipe, o primeiro da Bahia, a ganhar na Justiça o pagamento dos precatórios, como foi informado neste portal.

Debate sobre os precatórios do FUNDEF

O debate foi dirigido pelo coordenador geral da APLB, Prof. Rui Oliveira, o diretor Noildo Gomes, o presidente da APEOC, Anísio Melo e o advogado Vanderlei Marques, também da APEOC, e contou com a ampla participação dos demais dirigentes da APLB-Sindicato presentes na reunião , que externaram seus questionamentos e ansiedade com relação a esta questão que é de grande interesse de toda a categoria.

Rui Oliveira destacou que as redes estaduais da Bahia, Espírito Santo, Amazonas e Sergipe ganharam o total de R$ 54 bilhões, que, na Bahia, será destinado para os trabalhadores aposentados e ativos. “O governador Rui Costa disse que vai assinar acordo garantindo 60% para os trabalhadores da educação, mas, para vigorar este ano, esse dinheiro do precatório deve entrar até 1º de julho, se passar desta data só entra em vigor no ano subsequente”, explicou.

Durante o debate, sindicalistas e advogados informaram sobre o andamento da luta judicial realizada pela APLB, em parceria com Sindicato APEOC, pelo pagamento dos precatórios do FUNDEF. Eles reiteraram a tese de que o pagamento deve ser destinado à categoria, na proporcionalidade de 60% para os professores e 40% para manutenção da educação.

Porém, ficou patente nas falas dos participantes que a luta não vai ser fácil, devido à grande resistência dos prefeitos em destinar a verba para os professores e demais trabalhadores da Educação. A estratégia da assessoria jurídica da APLB e APEOC tem sido a de solicitar o bloqueio destes valores, bem como o depósito dos mesmos em conta judicial para impedir o desvio e o uso indevido dos recursos em ações estranhas à educação.

Segundo o presidente do APEOC, Anísio Melo,são mais de R$145 bilhões entre municipios e estados. “Estes valores não iriam nem um tostão para o povo se os educadores não tivessemos entrado coletivamente na justiça para cobrar este direito. Vamos precisar da unidade da categoria, de professores articulados, com consciência coletiva para segurar a mobilização jurídica e politicamente até a vitória”, defendeu o sindicalista.

Segundo o advogado Vanderlei Marques, um total de 54 municípios baianos deverá ser beneficiado com os precatórios no próximo mês de maio ou junho. Ele informou ainda que a equipe jurídica do sindicato já está articulada para buscar o bloqueio judicial destes valores, antes mesmo de chegarem aos cofres municipais, com vistas a garantir o rateio entre os trabalhadores da educação. “Ainda que o processo demore, que tenhamos que recorrer a todas as instâncias, até chegar ao STF, não podemos perder a esperança de que receberemos estes valores”.

Secom/aplb-Juazeiro
TAGS:
Representantes da delegacia da APLB do Baixo e Médio São Francisco estiveram presentes no Conselho Geral da Entidade em Salvador
© Copyright 2018, APLB Juazeiro. Todos os direitos reservados.
Rua Cícero Feitosa, 166 - Alagadiço, Juazeiro - BA, 48904-350
Fone: (74) 3611-0303